Campanha Bunda de Cigarro é Lixo | Cidade do Rio

Cidade do Rio - De braços abertos como o Rio de Janeiro

Campanha Bunda (guimba) de Cigarro é Lixo

Publicado por cidadedorio em 04/02/14 | Rio

IMG_4273-2

É importante conscientizar da população sobre o lixo

Campanhas sociais tendem a virar paisagem com muita facilidade. É muito difícil promover uma mudança de hábito, de comportamento, sem uma comunicação que choque, que provoque, que ouse. Ainda mais não podendo contar com orçamentos milionários.

Com guimba de cigarro, é um pouco pior.

Sabe por que os fumantes jogam guimba no chão? Porque eles simplesmente não percebem guimba como lixo. É involuntário. Por isso, é importante chamar a atenção pro assunto. Mesmo que gere uma certa polêmica, o momento aqui é de gerar discussão sobre o assunto mesmo.
Para chamar a atenção, vamos chamar guimba de outra coisa.

Nós já tentamos chamar de bituca.
Nós já tentamos chamar de guimba.
Mas não adianta.
E se a gente chamar guimba de outra coisa?
E se a gente usar um nome que chame mais a atenção?
Tipo bunda.

Lá fora, inclusive, o nome que usam é bunda (“cigarette butt”). Por que, logo no Brasil, onde a bunda é preferência nacional, a gente usa uns nomes que não têm nada a ver?

Aqui, bunda é mais do que preferência. É um patrimônio nacional. Todo mundo ama bunda. E todo mundo usa bunda pra vender tudo.

Usam bunda pra vender disco. Usam bunda pra vender revista. Usam bunda pra vender cerveja.

E se a gente utilizar essa cultura da bunda a nosso favor?

Que tal nós fazermos uma espécie de paródia da comunicação bundífera para falar da bunda de cigarro jogada no chão?

A ideia da campanha é chamar a atenção para a guimba que, apesar de pequena, também é lixo. Com uma pegada irreverente e criativa, o movimento vai chamar a guimba de bunda de cigarro! O conceito da campanha será utilizar as bundas de que todo mundo gosta para falar, com ironia, daquela bunda que ninguém gosta de ver caída no chão: a bunda de cigarro.

E uma ideia assim não podia ter qualquer bunda.
A gente precisava da maior bunda. E, no momento em que foi convidada para estrelar a campanha, Andressa Soares, a Mulher Melancia, topou na hora. E topou fazer de graça. Por amor ao Rio.

Todo mundo por amor ao Rio.
O Studio H, do fotógrafo Hamdan, fez os cliques da campanha.
O Estúdio Ícone fez a manipulação e a pós-produção das imagens.
A Aquarela Filmes registrou tudo em vídeo para o filme e o making of da campanha.
A XMarketing está cuidando de toda a operação das ações de rua.
A Radio Ibiza fez as gravações e as edições de áudio.
E o DJ Lucio K, brasileiro radicado na Califórnia, diretamente de Oakland, produziu a trilha e o jingle da campanha – o nosso hit do verão.
A campanha irá contemplar mídia exterior, veiculação em rádios e peças para internet.

E tudo começou neste domingo, com uma ação nas praias da Zona Sul do Rio.

Vamos realizar uma ação no lugar em que as guimbas de cigarro mais incomodam e onde elas são mais difíceis de ser retiradas: a praia.

E já que a nossa campanha fala de bunda, as melhores promotoras que poderíamos ter são as nossas queridas popozudas. Queremos que uma equipe de meninas com bumbum grande distribua porta-bundas para os banhistas nas areias do Rio de Janeiro.

A ação contará ainda com a participação especial de Andressa Soares, a Mulher Melancia, madrinha e garota-propaganda da campanha.

A ação vai acontecer neste domingo, 2 de fevereiro, entre 15h30 e 19h30, nas praias de Copacabana e Ipanema.

Vamos juntos nessa?

A campanha vai ser bem divertida. Mas o assunto é muito sério. O objetivo é atingir seis milhões de pessoas! A começar por você. Sua participação é fundamental para contagiar outras pessoas e fazer todo mundo aderir a essa causa. Seja parte dessa ação de amor ao Rio. Abrace a ideia e vista essa camisa.

Vamos fazer todo mundo saber que #BundaDeCigarroÉLixo.

Vamos fazer uma campanha irreverente, abusada, com a cara do Rio.
Ou melhor, com a bunda.