Bob Burnquist conquista o tetracampeonato da Megarampa | Cidade do Rio

Cidade do Rio - De braços abertos como o Rio de Janeiro

Bob Burnquist conquista o tetracampeonato da Megarampa

Publicado por blogcidadedorio em 26/08/12 | Aventura, Site

Bob Burnquist mostrou mais uma vez porque é um dos principais nomes do skate mundial. Com um 540° de base invertida a mais de seis metros de altura na segunda volta, o brasileiro conquistou o tetracampeonato da Megarampa neste domingo na Praça da Apoteose, no Rio de Janeiro. Bob já havia se classificado em primeiro nas eliminatórias de sábado e garantiu a vitória ao somar mais 40 pontos na final, conseguindo um total de 85.33.

“Não foi fácil. A molecada está andando muito. Tenho que fazer o dever de casa todo dia na minha rampa para conseguir me manter competitivo e tentar me superar cada vez mais. Eles são uma motivação a mais pra mim”, disse Bob. Na final de hoje, a vida de Bob foi mais fácil, já que a alta pontuação consquistada na véspera valeu como parte da nota deste domingo. “Só precisava fazer uma volta boa hoje e fiquei com medo de não conseguir porque levei um tombo ontem no corrimão que deixou minha panturrilha sem funcionar e uma leve torção na canela. Na prova de hoje, tínhamos que descer da parte mais alta da rampa, na qual ninguém ainda tinha treinado. Então, a gente só se joga quando está valendo mesmo. Todo mundo lá em cima fica aterrorizado”, conta Bob.

O americano Mitchie Brusco, de apenas 15 anos, ficou em segundo lugar ao completar um 360° no gap seguido de um 540° no quarter. “Estou muito feliz. Me diverti muito. A manobra é difícil e deu certo”, afirmou Mitchie, que aproveitou para elogiar a cidade e o colega brasileiro: “Eu quero muito voltar ao Rio, o pessoal aqui me adora. O Bob? Ele é incrível! Ando direto com ele e sempre me espanto com o que ele consegue fazer.”
Bob retribuiu os elogios para seu principal oponente. “Não o vejo como uma criança andando de skate e sim como um skatista profissional, que vem dando muito trabalho. Ele tem uma frieza em competição que é rara de se conseguir nessa idade. Além disso, o Mitchie precisa descer de um ponto mais alto que a gente para poder pegar velocidade. Tem que ter muita coragem”, acrescentou.

Jake Brown poderia ter ameaçado o reinado de Bob. Ele tentou um 720° sem segurar o skate, manobra ainda não realizada no skate, mas não conseguiu completá-la. O australiano ficou com a terceira colocação ao acertar um 360° e um 540°, mais baixos, no entanto, que os dos adversários. A quarta colocação foi para outro expoente da nova geração do skate, o pequeno Jagger Eaton, de apenas 11 anos, que pela primeira vez desceu da parte mais alta da rampa.

Resultado final:
1. Bob Burnquist – 85.33 pontos
2. Mitchie Brusco – 66.99 pontos
3. Jake Brown – 64.99 pontos
4. Jagger Eaton – 57.33 pontos
5. Elliot Sloan – 51.99 pontos
6. Lincoln Ueda – 46.66 pontos

BMX tem competição de melhor manobra
No BMX, hoje foi dia de disputar a melhor manobra no gap e no quarter. No primeiro, o americano Chad Kagy ficou com o prêmio ao completar um duplo back flip. Pela segunda vez no Rio, Chad exaltou o público: “A multidão é a melhor que eu já vi. Adoram as nossas manobras, é impressionante.” Kevin Robinson, vencedor da melhor manobra no quarter com um flair sem as mãos, fez coro. “O público foi maravilhoso. Não sabia como ia ser aqui no Rio, eles realmente gostam da gente, nos dão apoio e vibram com as manobras.”

A TNT e Garnier Bí-O antitranspirantes apresentam a Megarampa 2012, que tem patrocínio do Governo do Estado do Rio de Janeiro, Redecard, Maresia, Biscoitos BreakUP, Estácio de Sá, Lorenzetti, Yamaha, Metrô Rio, Netshoes e URGH, Rádio Mix e Rádio SulAmérica Paradiso apoiam o evento. A realização é da CBSK, IMX, ZooBamboo do Brasil e MRE. A supervisão técnica é da Confederação Brasileira de Skate (CBSk). Este projeto foi viabilizado pelo Governo Federal por meio da Lei de Incentivo ao Esporte do Ministério dos Esportes. Curta a nossa página no Facebook e visite o nosso site www.facebook.com/Megarampabrasil e www.megarampa.com.br.

SOBRE A MEGARAMPA
A Megarampa terá a sua quarta edição no Brasil e foi de Bob Burnquist a iniciativa de trazer a modalidade ao país. Um dos maiores nomes do skate brasileiro, Bob Burnquist é também o maior vencedor da competição brasileira. não teve para ninguém: ele venceu as três edições realizadas. Em 2008, o carioca radicado em San Diego, nos Estados Unidos, foi ovacionado pelos espectadores a cada descida, encaixou suas tradicionais manobras e venceu, somando 178 pontos. Jake Brown foi o segundo colocado, seguido por Andy MacDonald, Buster Halterman, Rob Lorifice e Adam Taylor. No ano seguinte, outro show de Bob Burnquist, com Jake

Brown novamente na segunda posição. Adam Taylor, Rob Lorifice, Pedro Barros e Pierre Luc-Gagnon completaram os seis primeiros lugares. Ano passado, Bob Burnquist confirmou novamente o favoritismo e venceu. A surpresa do evento foi o americano Mitchie Brusco que, com apenas 14 anos,levou o vice-campeonato. Adam Taylor terminou em terceiro, com Edgard “Vovô” Pereira em quarto, seguido por Rony Gomes.

Sobre a IMX
Com sede no Rio de Janeiro e conexões internacionais, a IMX tem como objetivo ser uma das principais empresas do setor no país. As áreas de atuação dividem-se em três pilares: Esportes (criação e produção de eventos, consultoria e gerenciamento de talentos), Entretenimento (realização de shows e artes cênicas) e Venues. Através do braço IMX Live firmou sociedade com a empresa Rock World S.A, do empresário Roberto Medina, para expansão da marca Rock in Rio, em uma das maiores operações até então realizadas na indústria do entretenimento no Brasil. Com a IMX Talent oferece planejamento de imagem e carreira com uma visão diferenciada e específica, valorizando cada etapa da vida profissional de seus clientes. Também atua com ativação de patrocínios e endorsements, desde a prospecção e negociação de contratos a media training, administração de crises e retorno de mídia. O portfólio da IMX inclui projetos como a gestão do time de vôlei RJX e eventos como UFC (MMA), Volvo Ocean Race (vela), Megarampa (skate), LPGA Brasil Cup (golfe), Mundial de Futevôlei 4×4, Travessia dos Fortes (maratona aquática), Vert Jam (esportes radicais), FMX (motocross), Escape to Rio (triathlon), entre outros.