Caminho de Santiago de Compostela: Berducedo - Grandas de Salime | Cidade do Rio

Cidade do Rio - De braços abertos como o Rio de Janeiro

Caminho de Santiago de Compostela por dois Cariocas: Berducedo – Grandas de Salime

Publicado por cidadedorio em 10/05/15 | Viagens

11210273_878025648925798_2013223444_nPor Fred Nogueira,

Pela manhã, ainda em Berducedo, Amanda sentia muitas dores no tornozelo e não podia caminhar. Decidimos que ela iria de taxi, para Gandas de Saline, cerca de 20 km de distância.

Esta decisão se mostrou muito sábia. O trecho que percorri caminhado, desde Berducedo, se mostrou bem cansativo.

11221121_878025962259100_605949211_o

Primeiro uma subida é uma descida, até a vila La Mesa. A partir de La Mesa, uma subida generosa, por uma estrada íngreme. Neste momento, uma grande descida pela floresta de pinheiros e grande desfiladeiro, de onde se pode ver a represa. O trecho até a represa é muito cansativo e, após uma parada para o lanche, tornamos a subir até Grandas de Salime. Com os amigos peregrinos, neste vale imenso, podemos perceber o quão pequeno somos.

11125193_878025632259133_501737862_n

A vila de Grandas de Salime é bem bonitinha.

11215930_878025492259147_578397976_n

Por Amanda Nogueira,

Hoje não acordei muito bem. Com tornozelos e joelhos inchados, mal podia andar. Tive que pegar um táxi para Grandas de Salime, nossa próxima cidade, pois todo o trajeto até lá é uma descida de 800 metros de altitude. É como descer a Pedra da Gávea e eu não tinha mais condições. Já na estrada, pude constatar o relevo, composto por uma cadeia de montanhas, que os aventureiros de hoje terão que enfrentar. Passamos por uma barragem muito bonita, construída com pedras em um vale. Enfim, cheguei à cidadezinha, muito simpática e convidativa. Parei em um bar, chamado Francesquin, para tomar um café com o taxista e um senhor que veio conosco. Este senhor já fez vários caminhos e o primitivo é um dos últimos, disse ele. Ele estava com os dedos machucados e por isso, não aguentaria a descida de hoje. Muito simpático, já esteve no Rio de Janeiro e em Salvador. Disse ele: “o Rio de Janeiro é precioso!” Eu também acho.

11216069_878025912259105_82884833_n

Aproveitei para conhecer a cidade, que possui uma igreja feita de pedras, um lindo parque onde fiquei parte do dia sentada na grama tomando sol e um museu etnográfico, que remonta um cenário antigo da cidade, onde se pode ver muitos objetos rústicos e conhecer um pouquinho da cultura local, por exemplo, como faziam para armazenar e manter os alimentos para o inverno, como preparar o vinho e moer os grãos de maneira muito primitiva. Enfim, fiquei encantada e corri para encontrar o Fred e lhe contar tudo o que vi.

11117457_878026225592407_1170019305_n

11253797_878026288925734_1121461257_n

Depois de um dia tão completo, fui direto para o albergue descansar, por recomendação do Carlos e da Bárbara, que me passaram suas experiências de outro Caminho que fizeram, o Francês.

O albergue é muito bom, camas confortáveis e calefação. Uma boa noite de descanso, tudo o que eu preciso.

Veja mais fotos bonitas deste trecho:

11225907_878025565592473_462405854_n

11245352_878025802259116_2027062803_n

11225786_878025862259110_297754490_n

11225534_878026005592429_1193418566_n

11225527_878025592259137_1461836275_n

11225501_878025578925805_401094110_n

11216428_878025878925775_261492333_n

11216399_878025798925783_307434243_n

11216270_878025665592463_471012260_n

11216082_878025688925794_1818147400_n

11216069_878025978925765_1906296179_n

11215980_878025558925807_607623467_n

11212218_878025625592467_1391616114_n

11210331_878025602259136_1178559966_n

Post

11208950_878025495592480_1163284773_n

11208862_878027085592321_1662531600_n

11256457_878026168925746_134859438_n

11256461_878026425592387_1170080862_n

11208760_878026245592405_1714235965_n

11195326_878026195592410_121616318_n