Centro do Rio de Janeiro: modernizar e se revitalizar, sem esquecer o passado | Cidade do Rio

Cidade do Rio - De braços abertos como o Rio de Janeiro

Centro do Rio de Janeiro: modernizar e se revitalizar, sem esquecer o passado

Publicado por blogcidadedorio em 22/10/12 | Rio 2014/16, Site

Por André Delacerda

Depois da saída da Bolsa de Valores do Rio de Janeiro para São Paulo. O centro da cidade viveu anos de esvaziamento, é certo que nunca perdeu o status de local das grandes empresas, mas viu muitas delas migrarem para a Barra da Tijuca, Botafogo e outros bairros da cidade.

O Centro do Rio talvez seja o bairro mais bem servido de infra-estrutura, mesmo assim, esvaziou-se, muitos prédio que antes eram ocupados por escritórios viraram edifícios fantasmas, hotéis fecharam.

Diríamos que o Centro da Cidade do Rio de Janeiro, ainda é muito mal tratado, e certamente é um dos lugares mais bonitos da cidade, onde o antigo e o moderno se encontram. O comércio popular como a Saara, e o mais executivo convivem harmonicamente.

De uns anos para cá muitos prédio ganharam Retrofit, empresas como a EBX se instalaram no Centro revitalizando a área, novos hotéis tem sido abertos, a área da Praça Tiradentes começa a retomar o seu glamour. E muita gente que só via o Centro como local de negócios passou a vê-lo como área residencial, a atriz Sonia Braga inclusive tem um apartamento nesta região, onde pretende morar.

O Centro do Rio de Janeiro voltou a chamar atenção como os grandes centros do mundo. Não podemos nos esquecer da estrutura cultural desta área, teatros, museus, cinemas e até casas noturnas fazem deste um dos bairros mais interessantes da cidade.

Ainda há muito que ser feito, pode-se ver muito do acervo arquitetônico colonial depredado, esquecido tanto pela iniciativa privada, quanto pelo poder público. A limpeza pública e a situação dos moradores de ruas talvez sejam as coisas mais urgentes a serem equacionadas. Sem falar na melhoria da iluminação pública e segurança.

Seria muito importante requalificar os espaços públicos com uma melhor sinalização, e troca do mobiliário urbano, sem falar no urbanismo da área que carece de mais capricho.

Embalados pela Copa de 2014, e Olimpíadas de de 2016 e com a revitalização da Zona Portuária, promete-se que muita coisa vai melhorar, inclusive o transporte público, com a implantação de VLTs. Coisa que tem que ser solucionada logo, já não se pode imaginar a Rio Branco com tantos ônibus, engarrafamento e quase parada. Tomara que reestruturem o sistema de transporte nesta área que é bem servida de metrô, e poderia ter os bondes como equipamentos de apoio para transporte entre regiões do Centro e bairro vizinhos, evitando-se aquele acumulo de carros que causa a falta de vagas de estacionamento e com isso um caos.

Vamos aguardar e torcer para que o Centro, continua a se modernizar, mas sem esquecer sua história e passado.

Foto: Av. Rio Branco por Diogo Fagundes