Dia de Reis, um dia para celebrar a sorte e fazer simpatias | Cidade do Rio

Cidade do Rio - De braços abertos como o Rio de Janeiro

Dia de Reis, um dia para celebrar a sorte e fazer simpatias

Publicado por cidadedorio em 06/01/13 | Site

O Dia 6 de janeiro representa para os católicos, a chegada dos três Reis Magos que, seguindo a estrela do Oriente, chegaram ao estábulo onde Jesus nasceu.

Por isso mesmo é o dia de desmontar o Presépio, a árvore que a gente tem em casa e a árvore de Natal da Bradesco Seguros.

Por ter esse simbolismo forte é um dia que a população costuma fazer muitas simpatias para atrair sorte e pedir proteção aos Reis Magos.

A tradição mais comum está relacionada às sementes de romã. Diz a lenda que no Dia de Reis, deve-se pegar uma romã e retirar nove sementes pedindo aos três Reis Magos – Baltasar, Belchior e Gaspar – que esse ano que se inicia seja repleto de saúde, amor, paz e dinheiro. Depois a pessoa deve pegar três das nove sementes e guardar num saquinho ou papel dentro da carteira. As outras três devem ser engolidas e as últimas três que sobraram você joga para trás fazendo o pedido que desejar.

Outras simpatias da data

Giz

Os católicos também acreditam em outra tradição. É na missa de hoje que são bentos gizes, que após a cerimônia são distribuídos aos fieis. “Com o giz bento, a pessoa escreve as iniciais dos três Reis Magos atrás da porta de entrada da casa, pedindo proteção por mais um ano.

Bolo Rei

O bolo Rei chegou a Portugal no final do século XIX e foi popularizado pelas doceiras de Lisboa e Porto. A tradição chegou ao Brasil com imigrantes portugueses. Hoje o bolo é a estrela da festa de 6 de janeiro, quando os cristãos celebram a adoração do Menino Jesus pelos Reis Magos. Segundo a tradição, o Bolo Rei deve ser acompanhado de dois mimos: uma fava e um presente. Quem receber a fava na sua fatia de bolo, terá sorte no ano e pagará o Bolo rei do próximo 6 de janeiro. Quanto ao presente, trará riqueza a quem encontrar.

A diferença do bolo rei -além de estar na forma da coroa de um rei -também está no recheio de frutos secos (amêndoas, nozes, pinhões) e frutas cristalizadas. Todos estes frutos simbolizam as jóias que enfeitam as coroas dos reis.