Que paisagem do Rio de Janeiro você guardaria na memória no dia do Fim do Mundo? | Cidade do Rio

Cidade do Rio - De braços abertos como o Rio de Janeiro

Que paisagem do Rio de Janeiro você guardaria na memória no dia do Fim do Mundo?

Publicado por cidadedorio em 20/12/12 | Rio, Site

Por André Delacerda e Diogo Fagundes

Só dá Fim do Mundo nas redes sociais, e nas rodas de conversa. Mesmos os mais céticos não deixam de falar sobre a tal profecia Maia que marca para amanhã (21) o Fim do Mundo. E olha que os Maias escolheram bem, se for mesmo para acabar ou começar um novo ciclo, nada melhor que o primeiro dia do Verão, com muito calor, praia e diversão.

Imagine as piadas de “Maçarico Carioca” (o sol) para este dia. E olha que a meteorologia está falando em dia extremamente quente com temperaturas passando dos 40°C graus, amanhã.

O que combina com a musica da Fernandinha Abreu

“Rio 40 graus cidade maravilha purgatório da beleza e do caos…”

Cá pra nós, o mundo não vai acabar, o que pode começar é uma nova era no calendário Maia.

Para os otimistas, a dica é curtir o primeiro dia do Verão. Se é pra queimar, vamos queimar no bom sentido pegando aquele bronzeado, mas não se esqueça de usar bastante protetor solar, e beber aquela água de coco gelada ou uma boa cerveja.

Não há lugar mais bacana para se imortalizar num dia de fim de mundo, do que a praia, o lugar preferido dos cariocas.

Para os que estão com medo, a dica é guardar na memória a imagem do Redentor, de braços abertos no Corcovado a nos abençoar. E olha gente, que uma cidade que tem o Cristo num dos pontos mais altos, de braços abertos, não tem que temer nada. É proteção na certa.

E há gente com esperança de que o mundo não se acabe amanhã.

Todos nós esperançosos!! Porque queremos continuar a curtir essa Cidade Maravilhosa, o mais belo Reveillon do mundo, o carnaval, e tudo de bom que o Rio nos proporciona. Então, que tal, guardar na memória o verde esperança da Floresta da Tijuca?!

E se é para tremer, pra sacudir, nada de tremor de terra e fogo saindo do chão. Vamos sacudir ao som de um bom samba!!!

“Eu vou tomar um porre
De felicidade
Vou sacudir, eu vou zoar
Toda cidade”  União da Ilha

 Foto: Diogo Fagundes