12 Impressões sobre a Alemanha | Cidade do Rio

Cidade do Rio - De braços abertos como o Rio de Janeiro

12 Impressões sobre a Alemanha

Publicado por cidadedorio em 29/04/13 | Viagens

_MG_6340

Edifícios modernos no centro financeiro de Frankfurt

Por André Delacerda e Diogo Fagundes,

Na viagem que fizemos pela Alemanha durante 11 dias, algumas coisas nos chamaram bastante atenção.

Vamos recordar nessa matéria algumas coisas que nos fizeram ficar surpresos, contentes, descontes e a acima de tudo encantados por este país.

_MG_6874

Bahnhof (estação de trem) do Aeroporto de Frankfurt

 1. O sistema de transporte é extremamente organizado, os trens, metrô e o VLT (tramos) se conectam bem, inclusive com o aeroporto e o trem bala (ICE). Tudo funciona na mais impecável pontualidade. Quando falamos em pontualidade, ela realmente existe na Alemanha. Se o placar eletrônico informativo do metrô (Ubahn) indica a  chegada da composição às 11:03, ela realmente vai está ali naquele exato momento;

2. Não existe cobrador nas estações e nem aquelas catracas que normalmente existem no Brasil. A compra dos bilhetes é feito através de máquinas como aquelas de refrigerante. Não há nenhuma barreira para entrar ou sair de uma estação. Porém, se você for pego sem bilhete tem uma multa;

_MG_5747 (id)

Römerberg, centro antigo de Frankfurt

3. Limpeza pública. Impressiona mesmo! Não vimos muitas lixeiras nas ruas. Fato curioso, mas compreensível! As pessoas não jogam lixo nas ruas, isso é um fator cultural importante na Alemanha. Dá para sentir que elas se preocupam com o espaço compartilhado. Se você tem um papelzinho pra jogar fora, põe no bolso e só o joga no local correto: a lixeira. Encontramos também locais para recolhimentos de material para reciclagem espalhado pelas cidades. Inclusive, com três tipos de recolhimentos de garrafas;

_MG_7209

Heumarkt, centro de Colônia

4. Encontramos uma vasta gastronomia internacional na Alemanha.  A comida tem bons preços pela sua qualidade. Nós provamos muita comida oriental, isso mesmo, é bem barato lá. A diferença é que enquanto no Brasil você encontra culinária local em cada esquina, na Alemanha, você vai encontra na verdade comida tipica de outros países nos restaurantes de esquina. Comemos pouca comida Alemã. Não que ela seja ruim, não o é. É que as pessoas não ficam comendo chucrute pra cima e para baixo. Porém, vimos bastante gente na feira comendo as famosas linguiças e queijos. Mas, em cada cidade existem os tradicionais restaurantes de culinária Alemã que todo turista procura. Ah! Já íamos nos esquecendo, na Alemanha encontram-se muitos imigrantes de origem muçulmana. Não se espante se encontrar milhares de restaurantes turcos e Kebabs da vida. Os Alemãs e nós adoramos a comida árabe.

_MG_7225

Sion, marca de cerveja produzida em Colônia

5. Bebe-se muito na Alemanha. Fique tranquilo! Você não vai encontrar todo mundo caído no chão. A cerveja é muito boa, e cada região tem a sua, alias, quase toda cidade tem um tipo especial. O valor das bebidas lá é muito, mais muito barato. Experimente ir ao mercado e verá que a cerveja que você pagaria aqui R$ 16,00, lá custa 0,99 centavos de euro. Encontramos gente saboreando vinhos nas feiras e na saída do trabalho a juventude tomando aquele vinho na rua;

6. Água da torneira. Tá aí uma coisa que não conseguimos nos habituar na Alemanha. As pessoas tem costume de beber água com gás, quase não encontramos águas sem gás. Então a solução é beber água da torneira, lá é normal. É bem tratada e de boa qualidade. Nós não nos acostumamos com o costume local, então, tivemos que arrumar alguns jeitos de matar nossa sede, como por exemplo, tomando leite. Este é uma maravilha;

_MG_7768

Tiergarten, maior parque verde de Berlim, fica ao lado do Reichtag

7. Ande sempre com uma agasalho, nem que seja guardado na mochila. O clima pode mudar de uma hora para outra. Nós chegamos a Frankfurt com 24°C e no dia seguinte já estava fazendo 5°C. As temperaturas oscilam bastante principalmente fora das épocas de verão e primavera;

_MG_7833

Reichtag, parlamento alemão

8. Na Alemanha, há uma regionalidade enorme, e cada região tem seus próprios costumes e características. Porém uma coisa que é unanimidade no país, são o respeito as regras. Como por exemplo aguardar o sinal abrir para atravessar a rua, mesmo que não haja nenhum carro nesta;

_MG_6386

Grande quantidade de porshes nas ruas de Frankfurt

9. Sobre os carros, é de impressionar, só tem carrão, pelo menos em Frankfurt só vimos porshes e outros esportivos de tirar o fôlego de qualquer um. Audi e BMW são carros populares na Alemanha. Em Berlin, já vimos uma diversidade maior, inclusive com marcas estrangeiras;

_MG_7482

Autobahn A2, sentido Berlim

10. Dirigir na autobahn é super tranquilo. Claro, se você não sabe dirigir nem se arrisque. Porém, a qualidade da estrada e a responsabilidade do motorista com os outros que estão ali é tão grande que você se sente super seguro em dirigir e sem medo de por 200km/h no carro. Na autobahn não há limites de velocidade. Outra coisa a se destacar são as placas, que são enormes e indicam bem o sentido de onde você deseja ir.

_MG_7862

Bode Museum, localizado na Ilha dos Museus em Berlim

11. Os alemães são verdadeiros mestres em conservação do seu patrimônio histórico. Há prédio com 700 anos ou mais que inclusive foram alvos da Segunda Guerra e continuam lá em pé e bem cuidados. Há edificações que parecem que foram feitas ontem mas tem mais de 500 anos. Berlin é um dos templos da antiga arquitetura e é a cidade perfeita para que os curte museus. Nós recomendamos uma visita aos que ficam na Ilha dos Museus. Na nossa visita a Berlin,  a cidade estava completamente em reforma com muitas obras tanto de urbanização quanto de restauração. Isso nos incomodou um pouco por que não podíamos ver alguns prédios antigos pois muitos deles estavam cobertos por causa das reformas.

_MG_7880

Dom (catedral) em Berlim

12. A Alemanha é um país de vanguarda. Ela mescla inteligentemente o passado com a tecnologia e sem sobre de dúvidas a eficiência é uma das palavras que codificam o DNA deste país.

_MG_7850

Prédio moderno próximo a região das Ilha dos Museus em Berlim

Bem, depois postaremos mais dicas sobre este país.

Continuem acompanhando a nossa viagem e descubra mais sobre a Alemanha na Coluna Viagens.

Leia sobre nossas visitas a pujante cidade de Frankfurt, as experiências que tivemos em Colonia e as surpresas que encontramos em Bonn.

_MG_8358

Portão de Brandemburgo, centro de Berlim

Conheça o Lufthansa Technik lendo a reportagem que fizemos sobre esse centro de manutenção de aeronaves na Alemanha.